Posts com tag “Mano Menezes

Mano inclui Ronaldinho em pré-lista para Londres

Alternando (poucos) bons e (muitos) maus momentos no Flamengo, Ronaldinho (foto) foi incluído por Mano Menezes em uma pré-lista de 52 atletas na perspectiva dos Jogos Olímpicos de Londres-2012. A lista final, de 18 jogadores, será divulgada no dia 6 de julho.

A pré-convocação é uma exigência do COI (Comitê Olímpico Internacional). Inicialmente, o nome do Casemiro não havia sido mencionado no site da CBF, mas a entidade corrigiu a falha e incluiu o volante do São Paulo.

Cada seleção olímpica pode ter apenas três jogadores com mais de 23 anos. Em sua pré-lista, Mano convocou 16 atletas com este perfil, entre os quais se destacam o goleiro Júlio César, os zagueiros David Luiz e Thiago Silva e os laterais Marcelo e Daniel Alves, titulares na seleção principal. Já Robinho e Kaká não foram lembrados.

Veja a lista divulgada hoje (os ‘veteranos’ estão em destaque) :

Adriano (Barcelona)
Alex Sandro (Porto)
Alexandre Pato (Milan)
Allan (Vasco)
André (Atlético Mineiro)
Bernard (Atlético Mineiro)
Bruno Uvini ( Tottenham)
Casemiro (São Paulo)
Daniel Alves (Barcelona)
Danilo (Porto)
David Luiz (Chelsea)
Dedé (Vasco)
Diego Alves (Valencia)
Douglas Costa (Shaktar Donetsk)
Dudu (Dínamo de Kiev)
Elias (Sporting)
Elkeson (Botafogo)
Fagner (Vasco)
Fernandinho (Shaktar Donetsk)
Fernando (Grêmio)
Gabriel (Cruzeiro)
Gabriel Silva (Novara)
Galhardo (Flamengo)
Paulo Henrique Ganso (Santos)
Giuliano (Dnipro)
Henrique (Granada)
Hernanes (Lazio)
Hulk (Porto)
Jefferson (Botafogo)
Jonas (Valencia)
Juan (Internazionale)
Julio Cesar (Internazionale)
Leandro Damião (Internacional)
Lucas (São Paulo)
Lucas Mendes (Coritiba)
Luisão (Benfica)
Marcelo (Real Madrid)
Marquinhos (Corinthians)
Neto (Fiorentina)
Neymar (Santos)
Oscar (Internacional)
Philippe Coutinho (Espanyol)
Rafael (Manchester United)
Rafael Cabral (Santos)
Renan Ribeiro (Atlético Mineiro)
Romário (Internacional)
Rômulo (Vasco)
Ronaldinho Gaúcho (Flamengo)
Sandro (Tottenham)
Thiago Silva (Milan)
Wellington Nem (Fluminense)
Willian José (São Paulo)

Anúncios

Salários de técnicos: seis brasileiros no Top 30

Com um salário anual de 3,6 milhões de euros, Luiz Felipe Scolari (foto), do Palmeiras, é o 11º treinador mais bem pago do futebol mundial, de acordo com um ranking publicado quinta-feira pelo site Futebol Finance.

O português José Mourinho, que recebe 10 milhões de euros por ano do Real Madrid, é o líder do ranking. Seguem Josep Guardiola, do Barcelona, e o russo Guus Hiddink, do Anzhi, com 7,5 milhões de euros anuais.

Além de Felipão, outros cinco treinadores do Brasil estão no Top 30: Muricy Ramalho, que ganha 2,6 milhões de euros com o Santos, é o 18º; Abel Braga, do Fluminense, é o 23º com 2,1 milhões de euros; Dorival Júnior (Inter), e Tite (Corinthians) dividem o 26º lugar com 1,9 milhão de euros, e Mano Menezes aparece na 29ª posição com 1,7 milhão de euros.

Mano é o quarto treinador de seleção mais bem pago do mundo. Por incrível que pareça, o técnico da Suíça, o alemão Omar Hitzfeld, é o primeiro da categoria, com um salário anual de 2,6 milhão de euros. Ele é o 19º do ranking geral. Joachim Löw, da seleção da Alemanha, é o 21º com 2,4 milhões de euros, e Vicente del Bosque, da Espanha, é o 22º com 2,1 milhão de euros.

Veja o ranking da Futebol Finance 

# Treinador Clube Salário anual # Treinador Clube Salário anual
1 José Mourinho Real Madrid 10.000.000 € 16 Manuel Pellegrini Málaga 3.500.000 €
2 Pep Guardiola Barcelona 7.500.000 € 17 Luciano Spaletti Zenit S. Petersburgo 3.000.000 €
3 Guus Hiddink Anzhi Makhachkala 7.500.000 € 18 Muricy Ramalho Santos 2.600.000 €
4 Roberto Mancini Manchester City 6.000.000 € 19 Ottmar Hitzfeld Suíça 2.600.000 €
5 Carlo Ancelotti Paris Saint-German 5.900.000 € 20 Alex McLeish Aston Villa 2.400.000 €
6 Jupp Heynckes Bayern Munique 5.000.000 € 21 Joachim Low Alemanha 2.400.000 €
7 Alex Ferguson Manchester United 4.800.000 € 22 Vicent del Bosque Espanha 2.100.000 €
8 Kenny Dalglish Liverpool 4.800.000 € 23 Abel Braga Fluminense 2.100.000 €
9 Arsène Wenger Arsenal 4.700.000 € 24 Massimiliano Allegri AC Milan 2.100.000 €
10 Harry Redknapp Tottenham 4.700.000 € 25 Jurgen Klopp Borussia Dortmund 2.100.000 €
11 Luís Felipe Scolari Palmeiras 3.600.000 € 26 Dorival Júnior Internacional 1.900.000 €
12 David Moyes Everton 3.600.000 € 27 Tite Corinthians 1.900.000 €
13 Mark Hughes Queens Park Rangers 3.600.000 € 28 Claudio Ranieri Inter de Milão 1.800.000 €
14 Martin O’neill Sunderland 3.600.000 € 29 Mano Menezes Brasil 1.700.000 €
15 Diego Maradona Al-Wasl 3.500.000 € 30 Antonio Conte Juventus 1.600.000 €

Mano chama Ronaldinho para amistoso contra Bósnia

O técnico da Seleção Brasileira Mano Menezes convocou Ronaldinho Gaúcho, do Flamengo, para o primeiro amistoso do ano, a ser disputado contra a Bósnia no próximo dia 28 na Suíça. Já Kaká, do Real Madrid, ficou fora da lista.

Os dois jogadores do Vale, os volantes Casemiro (São Paulo) e Luiz Gustavo (Bayern de Munique), também não entraram.

Mano chamou sete jogadores que atuam no Brasil, sendo três do Santos: Neymar, Ganso e o goleiro Rafael.

Confira a lista completa dos 23:

Goleiros: Diego Alves (Valencia), Júlio César (Inter de Milão) e Rafael (Santos)
Laterais: Adriano (Barcelona), Alex Sandro (Porto), Daniel Alves (Barcelona), Danilo (Porto) e Marcelo (Real Madrid)
Zagueiros: David Luiz (Chelsea), Dedé (Vasco), Luisão (Benfica) e Thiago Silva (Milan)
Meio-campistas: Elias (Sporting), Fernandinho (Shakhtar Donetsk), Ganso (Santos), Hernanes (Lazio), Lucas (São Paulo), Ronaldinho (Flamengo) e Sandro (Tottenham)
Atacantes: Hulk (Porto), Jonas (Valencia), Leandro Damião (Internacional) e Neymar (Santos)

 


Brasil perde para a Alemanha em amistoso

O Brasil de Mano Menezes continua sem vencer adversários de grande porte. Nesta quarta-feira, em Stuttgart, a Seleção perdeu para a Alemanha por 3-2. O revés veio depois das derrotas contra Argentina (1-0) e França (1-0) e do empate sem gols com a Holanda.

Mano surpreendeu ao começar com Fernandinho, do Shakhtar Donetsk, no lugar de Paulo Henrique Ganso, que entrou no segundo tempo. No mais, Daniel Alves recuperou sua vaga na lateral-direita e o corintiano Ralf substituiu Lucas Leiva, não relacionado para o amistoso.

Apesar da formação ofensiva, com Robinho, Neymar e Alexandre Pato, o Brasil atacou muito menos que a Alemanha. Sem Ganso, Robinho foi o principal responsável pela armação das jogadas. Os donos da casa  foram melhores na maior parte do primeiro tempo, até os brasileiros conseguirem equilibrar o jogo, sem, porém, levar perigo ao gol de Manuel Neuer.

O primeiro gol do jogo só saiu no segundo tempo. Aos 60 minutos, Lúcio cometeu falta em Schürrle dentro da área. O árbitro assinalou o pênalti, bem cobrado por Bastian Schweinsteiger: 1-0.

A Alemanha ampliou seis minutos depois em boa jogada coletiva. O jovem Toni Kroos tabelou com o veterano Miroslav Klose e rolou na medida para Götze, que driblou Júlio César e tocou para o fundo das redes: 2-0.

O Brasil diminuiu aos 70 minutos, com Robinho cobrando sem tremer um pênalti duvidoso. Mas os locais cortaram qualquer chance de reação brasileira ao fazer o terceiro. Schweinsteiger aproveitou uma falha de André Santos e tocou para Schürrle, que bateu forte, no ângulo, sem chances de defesa para Júlio César: 3-1.

A Seleção fez o segundo já nos acréscimos em bom chute de Neymar, mas já era tarde para buscar o empate: 3-2, placar final. Pouco antes, o meia Luiz Gustavo, de Pindamonhangaba, tinha substituído o lateral André Santos.

Em resumo, poucos motivos de satisfação para Mano. Nem o setor defensivo, ainda há pouco o mais eficiente da Seleção, agradou. André Santos, principalmente, foi muito mal, e já está mais do que na hora de dar outra chance ao Marcelo. Com uma grande defesa em chute forte de Götze no primeiro tempo, Júlio César evitou um placar mais elástico.

Veja os gols:


Bomba! Elano e Nívea Stelmann terminam namoro

A notícia de hoje vai movimentar o mundo da bola. O meia Elano, do Santos, não está mais namorando a atriz Nívea Stelmann. A informação está repercutindo em todos os veículos de imprensa e já preocupa o técnico santista Muricy Ramalho e, principalmente, Mano Menezes, que está com o jogador na Argentina para a disputa da Copa América. Os comandantes temem que Elano fique com o emocional abalado e prejudique a já prejudicada, apática, e desmotivada Seleção Brasileira.

“Eu e @NiveaStelmann não estamos mais namorando!”, escreveu o atleta na noite dessa segunda-feira em sua página no Twitter.

Nívea e Elano começaram a namorar em março deste ano. A primeira vez que foram vistos trocando beijos foi durante o show da grupo Exaltasamba em Santos. Desde então, o casal estava em total clima de romance. A última vez que foram fotografados juntos foi na final da Libertadores, quando o time da Baixada conquistou o título da competição no Estádio do Pacaembu, em São Paulo. Essas informações foram divulgadas pelos sites de celebridades e relacionamentos de jogadores do futebol.

Ainda segundo esses portais, há pouco mais de um mês, o jogador declarou que não queria se casar tão cedo, algo visto como natural pela atriz, que já foi casada com o ator Mário Frias. “Estamos namorando há pouco tempo e estamos bem. Por que a gente teria que estar pensando em casamento agora?”, disse a atriz em entrevista à revista “Contigo” na época.


O motivo da não convocação de Marcelo

Convidado do programa “Bem, Amigos!”, Mano Menezes teve de explicar a ausência do lateral-esquerdo Marcelo, destaque do Real Madrid, na convocação da Seleção Brasileira para a Copa América, que começa no dia 2 de julho na Argentina. O treinador admitiu que a falta de comprometimento do atleta com a equipe pentacampeã mundial culminou com a sua ausência entre os 22 selecionados para o torneio continental.

O apresentador Galvão Bueno disse que Marcelo escreveu um e-mail no qual contava que conseguira se livrar da seleção. A mensagem deveria ser direcionada a outra pessoa, talvez a membros do Real Madrid, mas o lateral se equivocou e mandou para Mano. O técnico confirmou a história.

Em setembro de 2010, Marcelo pediu para ser cortado da seleção durante uma semana de treinamentos em Barcelona porque estava machucado. Entretanto, trabalhou normalmente no Real Madrid. “Eu me apoio em fatos. Fiquei na Europa, depois do jogo contra a Escócia, e algumas coisas que vi comprovaram o que a gente achava sobre comprometimento”, justificou o comandante do Brasil.

“Ninguém abre mão do que o Marcelo está jogando simplesmente porque tem ou não simpatia por determinado jogador. São coisas mais sérias e responsáveis. Engloba tudo que se pensa sobre postura de estar na seleção”, acrescentou o treinador.

Fonte: UOL


‘Cariocas’ Thiago Neves e Fred são as novidades de Mano

O treinador Mano Menezes divulgou hoje a lista de convocados para os dois próximos amistoso da Seleção Brasileira, contra a Holanda e a Romênia, no início de junho. A lista tem 28 nomes, e pelo menos 22 deles irão para a Copa América, que começa no início de julho na Argentina. Isso porque cada seleção terá um grupo de 23 jogadores, e a probabilidade de que Paulo Henrique Ganso, atualmente machucado, fique com uma dessas vagas, é alta.

A lista tem três novidades: o meia Thiago Neves, do Flamengo; o atacante Fred, do Fluminense; e o goleiro Fábio, do Cruzeiro. Enquanto Thiago Neves fará sua estreia com a amarelinha, Fred voltará à Seleção depois de quatro anos.

O segundo jogo, contra a Romênia, marcará a despedida de Ronaldo da Seleção Brasileira. A partida será no Pacaembu.

Confira a lista dos convocados:

GOLEIROS: Júlio César (Internazionale), Victor (Grêmio), Jefferson (Botafogo), Fábio (Cruzeiro)

LATERAIS: Daniel Alves (Barcelona), André Santos (Fenerbahçe), Maicon (Internazionale), Adriano (Barcelona)

ZAGUEIROS: Thiago Silva (Milan), David Luiz (Chelsea), Lúcio (Internazionale), Luisão (Benfica)

VOLANTES: Lucas (Liverpool), Elias (Atlético de Madri), Sandro (Tottenham), Ramires (Chelsea), Henrique (Cruzeiro)

MEIAS: Elano (Santos), Lucas (São Paulo), Anderson (Manchester United), Thiago Neves (Flamengo), Jadson (Shakhtar Donetsk)

ATACANTES: Neymar (Santos), Alexandre Pato (Milan), Robinho (Milan), Nilmar (Villareal), Leandro Damião (Internacional), Fred (Fluminense)